O futebol e o descontentamento do torcedor brasileiro

O futebol brasileiro tem desapontado cada vez mais com o passar do tempo, e isso não se trata de simples formalismo quanto ao desânimo do tão famigerado alvoroço criado, e que certamente será mantido eternamente pelas futuras gerações, pelo 7 a 1 que a Alemanha aplicou no Brasil, mas sim, pelo fato dos jogadores não representarem a imagem do povo brasileiro, do ano de 2018 na Copa da Rússia.

 

O marketing, a publicidade e as notícias são armas com um potencial incrível a seduzir os consumidores quanto a intenção em que se deseja vender algo. E para tal, a seleção brasileira ainda mantém um pequeno foco de luz sobre si, já que é a seleção que domina cinco títulos mundiais, mas que não provoca aquele alvoroço e medo que fazia durante os anos 90, ou mesmo, meados dos anos 2000. De toda forma, a grande publicidade que se cria sob a imagem de alguns jogadores que tendem a se sobressair, seja por um relacionamento amoroso ou qualquer que seja o fator, ainda provoca um sentimento ao torcedor de que ainda há uma possível esperança, inde quer que esteja ela.

Para contornar tais sentimentos negativos da população brasileira, o marketing com sua força e ambição extrema conseguem atacar e agir diretamente no ponto nevrálgico do consumidor, que é a transposição de uma sentimento que torna o público atento à publicidade ser um agente passivo e ativo ao mesmo tempo, quanto à vontade de um dia ter tentado ser jogador de futebol, o que é uma estatística bem grande do povo brasileiro durante sua infância e juventude, majoritariamente ao público masculino.

Por consequência desses fatores emocionais, o marketing possivelmente consegue alcançar seu objetivo de conquistar o determinado alvo e torná-lo num ser necessário de tal bem, mesmo que as circunstâncias não comprovem tal momento. É o desejo sentimental que consegue superar o raciocínio lógico e crítico. Por sua vez, seja o marketing, a publicidade ou a propaganda, elas conseguem criar um cenário positivo às empresas, embora toda a população não consiga ter vontade naturalmente em respirar um sentimento de torcida e felicidade pela seleção brasileira.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *